Noticias do Rock

Nita Strauss lançará seu primeiro álbum solo.

Metal instrumental não tem lá tantos fãs pelo Brasil, mas de roqueira loira tem bastante.

E um dos seus padrinhos, Alice Cooper esta ajudando na divulgação da vaquinha no Kickstarter para o álbum solo de estréia da ex-guitarrista do The Iron Maidens (banda cover do Iron Maiden formado só por mulheres).

Como ela é muito admirada na cena conseguiu atingir a meta da campanha em 2 horas, arrecadando mais de 20mil dólares.

Ela tem 31 anos e  substituiu Orianthi na banda de Alice Cooper há quatro anos.

A moça que tem a música no sangue descende de  Johann Strauss II, um compositor da Austria que faleceu em meados do século XIX, toca guitarra mais que muito marmanjo e foi a primeira mulher nomeada a ter uma Ibanez Signature, quem tem uma guitarra dessas feita sob medida? caras como Joe Satriani, Paul Stanley e seu herói musical Steve Vai, será que ela toca bem?

Agora Nita pretende lançar seu primeiro disco solo depois do single Pandemonium.

E como essas vaquinhas sempre tem valores diversos que você pode doar, se você gosta muito dela e tenha 2 mil dólares para doar, pode participar como espectador da gravação do álbum, ou quem sabe fazer uma doação de $150 e fazer uma chama por skype com ela? E por um pouquinho mais, $300, você pode receber um mensagem por vídeo feita pra você, isso não é demais! (se você for muito fã, é sim!)

26865687_146144562763539_6770671064860065792_n
Foto, Instagram

 

Ou se não tem tanta grana mais quer ajudar da mesma forma, tem opções de $1 onde você receberá um e-mail de agradecimento direto da conta da Nita ou então $30 cerca de R$100,00 para receber como presente de agradecimento um CD autografado pela guitarrista, mais o download.

Claro que ser cover não é o sonho de qualquer músico, mas Nita passou boa parte da vida, cantando músicas do outros como ela mesmo diz:

16790363_255334284908254_310398785425506304_a
Nita Strauss, ex Iron Maidens

“Passei a maior parte da minha carreira tocando músicas de outras pessoas. Agora eu quero mostrar ao mundo o que eu sou. ”

 

Isso mesmo ela cai de corpo em alma na instrumental Pandemonium. inspirada em seus ídolos se empolgou e agora quer mais.

“Como um guitarrista não comprovado, com exatamente zero álbuns meus, quero fazer esse primeiro disco sozinho. Eu quero fazer o álbum que eu quero fazer, e não ter a aprovação final de ninguém.”

“Os fundos arrecadados com essa campanha vão me ajudar a gravar, mixar, masterizar e promover esse álbum – o mais importante, possibilitando que eu faça uma turnê para apoiá-lo! O orçamento de turnês é uma parte enorme de um contrato de gravação e, como tocar ao vivo é o que eu faço melhor, quero ter certeza de que posso sair por aí na estrada e tocar essas músicas para vocês. ”

“Essa beleza será vendida em todo o mundo e vem equipada exatamente como eu a reproduzo ao vivo, incluindo novas captações DiMarzio assinadas e meticulosamente projetadas por você.”

Metal instrumental não tem lá tantos fãs pelo Brasil mas de roqueira loira tem bastante.

Siga meu blog 🙂

 

 

Deixe uma resposta